Como Instalar o Windows no SSD Novo ? (Duas Formas)

Muitos notebooks com Windows mais antigos vêm com discos rígidos mecânicos tradicionais - que, atualmente, são bastante desatualizados e lentos. A atualização para uma nova unidade de estado sólido super rápida (ou SSD) é a maneira mais segura de acelerar um computador antigo. Há um problema: mover a instalação do Windows pode ser complicado, especialmente porque os SSDs geralmente são menores do que os tradicionais dos discos rígidos. No entanto, existe uma maneira de migrar sua instalação do Windows 7, 8 ou 10 para um SSD sem reinstalar o Windows. Leva algum tempo mas vamos explicar:





1 - Instalando o Windows no SSD pela Clonagem de disco
2 - Alterando a Ordem de Inicialização pela BIOS
3 - Instalando o Windows no SSD pelo Pen Drive
4 - Preciso de uma Chave do Windows 10 ?



INSTALANDO O WINDOWS NO SSD POR CLONAGEM

Do que você precisa:
Além do seu SSD, você precisará de algumas outras coisas para que esse processo funcione. Aqui está o que recomendamos:

Uma maneira de conectar seu SSD ao seu computador: Se você tem um computador de mesa, normalmente você pode simplesmente instalar seu novo SSD ao lado do seu disco rígido antigo na mesma máquina para cloná-lo. Se você estiver usando um notebook, no entanto, isso geralmente não é possível, então você precisará comprar algo como um cabo SATA para USB, que permitirá a conexão de um disco modelo de 2,5 ” para o seu notebook via USB. Você também pode instalar seu SSD em um  gabinete externo de disco rígido antes de iniciar o processo de migração, embora isso seja um pouco mais demorado.



Uma cópia do EaseUS Todo Backup: Sua versão gratuita tem todos os recursos que precisamos para realizar a tarefa na frente de nós, para baixar a versão gratuita e instalá-lo como você faria com qualquer outro programa do Windows. AVISO: Certifique-se de clicar nos links "Personalizar" na página "Instalar Software Adicional" e desmarque todas as caixas - caso contrário, o EaseUS tentará instalar alguns itens promocionais juntamente com sua ferramenta de clonagem de disco.

Um backup dos seus dados: É opcional. Mas é altamente recomendado acessar o painel de controle - modo de visualização em ícones grandes - segurança e manutenção - histórico de arquivo - Backup de imagem do sistema e selecionar um HD externo para guardar cópia de segurança de uma imagem do sistema para caso algo não saia como esperado.



Clone o Sistema Operacional Para o SSD


fazendo backup em um hd externo



Um disco de reparação do sistema Windows. Na chance de que sua inicialização seja corrompida, você será capaz de abrir o disco de reparo do Windows e consertá-lo em questão de minutos. Trata-se daquele pequeno CD chamado Recovery Disk, tenha-o a mão e insira no notebook caso o procedimento tenha algum imprevisto, ele repara o sistema automaticamente e é uma ferramenta de segurança.


Primeiro passo: Reduzindo o tamanho do disco atual
Se você estiver migrando para uma unidade menor do que a unidade atual - o que geralmente acontece quando se está mudando para um SSD -, você terá um problema logo de cara. Não há espaço suficiente em sua unidade de destino para todos os seus arquivos!

Para verificar a capacidade de cada unidade, conecte seu SSD ao computador e espere que ele apareça no Windows Explorer. clique com o botão direito em cada unidade e selecione "Propriedades". Nas duas capturas de tela abaixo, você vê que o espaço usado pela nossa antiga unidade (à esquerda) (141 GB) é maior do que a nossa nova unidade (à direita) pode suportar (118 GB).



Você provavelmente encontrará algo semelhante. Portanto, antes de migrar seus dados, você precisará limpar seu disco rígido atual. Comece apagando todos os arquivos que você não precisa. Isso significa filmes antigos, programas de TV, músicas, jogos,  backups antigos e qualquer outra coisa que ocupe muito espaço. Desinstale quaisquer programas que você não usa mais, em seguida,  execute a Limpeza de Disco  para se livrar de qualquer outro lixo no seu sistema. Você pode até querer executar um programa como o CCleaner para garantir que tudo esteja completamente limpo. Também é importante desfragmentar o disco atual antes de começar, pra esta funcionalidade recomendamos o Auslogics Disk Defrag.

Isso ajudará um pouco, mas em alguns casos, pode não ser suficiente. Se você ficar sem coisas para excluir, isso significa que você terá que encontrar um novo lugar para armazenar arquivos pessoais, como fotos, documentos, filmes, músicas e muito mais, porque eles não vão caber na sua nova unidade. Por isto é bom ter um HD externo ou armazenar na nuvem. Lembre-se de que, como sua nova unidade é menor do que o antigo, você precisará encontrar um novo local permanente para armazená-los. Portanto, escolha a solução que funciona melhor para você a longo prazo.



Segundo Passo: Atualize o Firmware do seu SSD
Os SSDs são, tecnologicamente, o novo padrão. Várias das primeiras gerações de SSDs tinham vários bugs e problemas que só foram banidos com atualizações significativas de firmware. Cada empresa de drive tem sua própria técnica para atualizar firmware - alguns exigem que você reinicie com um CD especial para fazer o flash do firmware e alguns permitem que você instale o firmware a partir do Windows se a unidade não for a principal. A OCZ, por exemplo, possui uma das ferramentas mencionadas no Windows. Visite o site do fabricante da sua unidade para ler mais sobre sua unidade e como atualizar o firmware. Agora é o melhor momento absoluto para atualizar o firmware, pois não há risco de perda de dados, já que você ainda não copiou nada para ele.


Terceiro Passo: Clone seu disco com o EaseUS Todo Backup
Agora finalmente chegou a hora do evento principal. Abra o aplicativo EaseUS e clique em “Clone” na tela principal.



Primeiro, selecione seu disco de origem. Esta é sua unidade atual do sistema Windows. Nossa unidade de sistema consiste em três partições. Nós queremos clonar todos os três, então vamos colocar um cheque ao lado do disco rígido para ter certeza de que estão todos selecionados. Clique em “Next” para prosseguir.

Agora você precisa estar com o SSD conectado ao notebook ou através do cabo adaptador SATA para USB ou através da instalação do SSD M.2 em um Slot, se ele for reconhecido prontamente ja pode prosseguir, agora se ao conectar o SSD ao seu notebook e ele não for reconhecido, clique em iniciar - pasta ferramentas administrativas do windows - gerenciamento do computador - armazenamento - gerenciamento de disco - clique com botão direito do mouse sobre o drive do seu SSD e escolha inicializar disco.

inicializando o disco


Ao selecionar seu SSD como o destino no programa. No nosso caso, é o “Disco Rígido 4”, contendo 119 GB de espaço não alocado. Certifique- se de escolher a unidade correta ou perderá dados! Marque a caixa "Otimizar para SSD", que garantirá a inicialização do SSD e o melhor desempenho possível da instalação do Windows resultante.

Source = Disco de origem (HD), Target = Disco de destino (SSD)

Agora, antes de clicar em "Próximo", reserve um minuto para clicar no botão "Editar" ao lado do seu SSD.



O EaseUS mostrará a aparência da sua unidade resultante. Em alguns casos, você pode precisar fazer alguns ajustes aqui. Por exemplo, no meu SSD, o EaseUS queria tornar as partições de inicialização e recuperação muito maiores, apesar de conterem menos de um gigabyte de dados. Eu prefiro ter esse espaço na minha partição principal do Windows, então eu precisei redimensioná-los antes de continuar. Para redimensionar essas partições, primeiro selecione uma e, em seguida, arraste as alças que aparecem entre as partições, como se você estivesse redimensionando uma janela do Gerenciador de Arquivos. Em seguida, redimensionei minha partição principal do Windows para preencher o restante do espaço vazio.


Dependendo do layout da sua unidade, você pode ter que alterar as coisas de uma maneira diferente. Quando terminar, clique em "OK" para continuar. Verifique novamente se tudo está certo e clique em "Continuar" para iniciar a operação do clone.



Se você receber o seguinte aviso, clique em "OK" para continuar. A duração real da operação dependerá do tamanho da sua unidade de origem, bem como da velocidade das mídias de armazenamento e do seu computador.



Como você pode ver na captura de tela a seguir, nossa nova unidade de sistema já está sendo exibida no File Explorer.


Tudo o que resta agora é começar a usá-lo. Para fazer isso, os próximos passos são bem simples. Desligue o computador, remova a unidade antiga e instale a nova no mesmo lugar. Reinicie o seu computador e ele deve inicializar a partir da sua nova unidade automaticamente.



Quarto Passo: Alterando a Ordem de Inicialização na BIOS
Se você estiver usando um computador de mesa e quiser deixar a unidade antiga no lugar - talvez como um dispositivo de backup ou armazenamento -, será necessário inicializar no BIOS do sistema (geralmente mantendo pressionado o botão Del antes que o logotipo de inicialização do Windows apareça) . A partir daí, você precisará apontar seu BIOS para a nova unidade como o primeiro a ser inicializado.

A ordem de inicialização é controlada no firmware do BIOS ou UEFI do seu computador, dependendo de quão novo é o seu computador. Para acessar o BIOS, você precisará reiniciar o computador e pressionar uma tecla específica no início do processo de inicialização. Essa tecla é geralmente exibida na tela durante o processo de inicialização. Por exemplo, você pode ver uma mensagem que diz "Pressione para entrar na configuração "ou" Pressione F2 para acessar o BIOS. "Pressione a tecla necessária no momento correto e o BIOS do seu computador será exibido. Embora Delete e F2 sejam provavelmente as teclas mais comuns, seu computador pode exigir outra tecla, como F1, Escape ou Ctrl + Alt + Escape. Se você não vir a tecla necessária na tela, consulte o manual do seu computador.



Em um PC com firmware UEFI - que os PCs mais recentes que vêm com o Windows 8 ou 10 - você pode não conseguir pressionar uma tecla na inicialização para acessar esse menu. Em vez disso, primeiro você precisa inicializar no Windows. Pressione e segure a tecla "Shift" enquanto clica na opção "Reiniciar" no menu Iniciar. O Windows irá reiniciar em um menu especial de opções de inicialização. Clique em Solução de problemas> Opções avançadas> Configurações de firmware da UEFI nesta tela de menu para acessar a tela de configurações UEFI do seu computador.



Este menu de inicialização também aparecerá automaticamente se o seu PC estiver tendo problemas para inicializar corretamente, então você deve ser capaz de acessá-lo mesmo que o seu PC não possa inicializar o Windows.

Quando estiver no menu de firmware do BIOS ou UEFI, procure por algum tipo de menu de opções “Boot”. Se você tiver sorte, haverá uma guia na parte superior da tela chamada Boot. Caso contrário, esta opção pode estar localizada abaixo de outra guia.



Use as setas do teclado para navegar pelo BIOS. Para selecionar algo, pressione Enter. Você geralmente verá uma lista das teclas que você pode usar no canto inferior direito da tela. Alguns computadores mais novos com firmware UEFI também permitem que você use um mouse nessa tela. Localize a tela de ordem de inicialização que lista os dispositivos de inicialização. Isso pode estar na própria aba Boot ou abaixo da opção Boot Order.


Selecione uma opção e pressione Enter para alterá-la, para desativá-la ou especificar outro dispositivo de inicialização. Você também pode usar as teclas + e - para mover os dispositivos para cima ou para baixo na lista de prioridades. (Essas etapas podem ser ligeiramente diferentes em alguns computadores; consulte a lista de atalhos de teclado na tela.) A ordem de inicialização é uma lista de prioridades. Por exemplo, se a “unidade SSD” estiver acima de “disco rígido” na ordem de inicialização, o computador tentará a unidade SSD e, se não estiver conectado ou não houver sistema operacional, ele será inicializado a partir do disco rígido. Para salvar suas configurações, localize a tela Salvar e sair. Selecione a opção “Salvar alterações e redefinir” ou “Salvar alterações e sair” e pressione Enter para salvar suas alterações e reiniciar o computador.

Depois que o computador for reiniciado, ele será inicializado usando sua nova prioridade de ordem de inicialização.





INSTALANDO O WINDOWS NO SSD POR PEN DRIVE
Quando você planeja instalar uma nova cópia do Windows 10 a partir do USB, um dos requisitos envolve a criação de mídia para inicializar o computador no assistente de configuração. No entanto, se você tiver um hardware mais novo, é provável que você esteja usando UEFI (Unified Extensible Firmware Interface), em vez do BIOS (Basic Input / Output System) herdado.

Felizmente, se o dispositivo tiver um firmware UEFI, você terá várias maneiras de criar uma mídia inicializável USB para instalar o Windows 10. Você pode usar a Ferramenta de Criação de Mídia, que é um utilitário fácil de usar feito pela Microsoft que baixa e copia os arquivos de instalação em uma unidade removível com suporte a UEFI e BIOS.

Se você planeja atualizar ou instalar uma nova cópia do Windows 10 em um sistema usando UEFI, é possível usar a Ferramenta de Criação de Mídia para criar uma mídia inicializável compatível. Basta inserir uma unidade flash USB com pelo menos 4 GB de armazenamento em seu computador e, em seguida, usar estas etapas:

Abra a página oficial Download do Windows 10.
Em "Criar mídia de instalação do Windows 10", clique no botão Baixar ferramenta agora.


Clique no botão Salvar .
Clique no botão Abrir pasta.
Clique duas vezes no arquivo MediaCreationToolxxxx.exe para iniciar o utilitário.
Clique no botão Aceitar para concordar com os termos da Microsoft.
Selecione Criar a mídia de instalação (unidade flash USB, DVD ou arquivo ISO) para outra opção de PC .
Clique no botão Next.


Selecione o idioma, a arquitetura e a edição corretos do Windows 10 se a seleção padrão não refletir as opções desejadas.


Se você não conseguir alterar essas configurações, desmarque a opção Usar as opções recomendadas para este PC .
Clique no botão Next .
Selecione a opção da unidade flash USB . (Se você não vir a unidade, clique na opção Atualizar lista de unidades .)


Clique no botão Next . Selecione a unidade removível na lista.


Clique no botão Next . Depois de concluir essas etapas, o assistente baixará os arquivos de instalação do Windows 10 e criará a mídia inicializável com suporte para UEFI e BIOS.

Após a instalação do SSD, desligue o seu PC e insira a instalação do Windows 10 USB. Ligue o computador, entre no menu de inicialização e selecione a unidade USB com o Windows 10 (Como mostrado no passo 4 de ordem de inicialização).

Em um PC baseado em UEFI - novamente, a maioria dos PCs fornecidos com o Windows 8 ou 10 usam UEFI - você pode escolher um dispositivo de inicialização no menu de opções avançadas de inicialização. Selecione a opção “Usar um dispositivo” nesta tela e você pode escolher um dispositivo que deseja inicializar, como uma unidade USB, DVD ou inicialização de rede.



Se o PC inicializar com sucesso a partir da unidade USB, o Windows 10 entrará automaticamente no modo de configuração. Clique em "Instalar agora" para continuar o processo.


Escolha onde instalar o Windows 10. Quando a configuração perguntar "Onde você deseja instalar o Windows?", Escolha a unidade SSD.


Aguarde o Windows 10 para concluir a instalação. Neste ponto, o processo de instalação do Windows 10 no seu SSD está praticamente completo.



Desfrute de tempos de arranque incrivelmente rápidos Parabéns pela instalação do Windows 10 em seu novo SSD! Espero que você tenha dito adeus à tela de carregamento, pois todo o processo de inicialização leva apenas 15 segundos.

Preciso de uma Chave Para que o Windows 10 Funcione ?
A Microsoft permite que qualquer pessoa baixe o Windows 10 gratuitamente e instale-o sem uma chave de produto. Ele continuará trabalhando no futuro previsível, com apenas algumas pequenas restrições estéticas. E você pode até pagar para atualizar para uma cópia licenciada do Windows 10 depois de instalá-lo. Depois de instalar o Windows 10 sem uma chave, ele não será realmente ativado . No entanto, uma versão não ativada do Windows 10 não tem muitas restrições. Inicialmente, você não notará a diferença. Eventualmente, o Windows vai começar a incomodar você um pouquinho. Primeiro, você notará uma marca d'água no canto inferior direito da tela. Você também verá um “O Windows não está ativado. Ative o Windows agora. ”Link na parte inferior do aplicativo Configurações. Esta é a única forma de peste que você verá - não há janelas pop-up, por exemplo.

Segundo, você não poderá alterar o papel de parede da área de trabalho e da tela Personalização> Plano de fundo no aplicativo Configurações. Você verá uma mensagem “Você precisa ativar o Windows antes de poder personalizar o seu PC” no topo desta janela, e as opções para alterar seu papel de parede ficarão esmaecidas.

Você ainda pode mudar seu papel de parede de outras formas, no entanto. Por exemplo, você pode clicar com o botão direito do mouse em uma imagem no Gerenciador de arquivos e selecionar "Definir como plano de fundo da área de trabalho". Você também pode abrir uma imagem no aplicativo Fotos, clicar no botão de menu, clicar em "Definir como" e clicar em "Definir como plano de fundo". Além dessas limitações básicas, seu sistema Windows 10 continuará funcionando para sempre. Não há alertas além da marca d'água, você obterá todas as atualizações do sistema e tudo o mais é completamente funcional. Se você quiser ativar, abra o aplicativo Configurações e vá para Atualização e segurança> Ativação. Você verá um botão "Ir para a Loja", que o levará à Windows Store, se o Windows não estiver licenciado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

ANTES DE COMENTAR LEIA PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

DÚVIDAS PRÉ-COMPRA:

* Por que você não fala desse ou daquele notebook ? Porque este site não recomenda todos os notebooks... este site recomenda somente os melhores.

* Os preços estão maiores !? Preços sobem e descem todo instante, prefiro recomendar o que é o melhor possível do que o que é mais barato

* Como sei se um note roda um jogo? Pesquise no youtube por gameplays do jogo com uma configuração semelhante a do seu note. Ex: Cs Go i5 8250U MX150

* Devo escolher melhor processador ou placa de vídeo ? melhor placa de vídeo

* Entre placas de vídeo escolho série MX ou GTX ? GTX

* E entre MX e Intel Graphics ? MX

* Entre processadores escolho série H ou U ? H

* Há muita diferença entre Core i3, i5 e i7 ? i3 é para uso doméstico, i5 é para multitarefas e i7 é para trabalhar com edição.

* Turbo Boost é automático ou devo ativar ? Automático, mas pode desativar ou ativar

* Posso trocar placa de video do note ? Não

* Mas notebook não esquenta muito? Preparamos uma Lista gigante de formas de manter seu note bem refrigerado

* E se eu não gostar do notebook ? Dentro dos 7 primeiros dias de uso ligue pra loja e peça Direito de Arrependimento, vão te dar um código pra enviar o note de graça e te reembolsar sem precisar justificar



DÚVIDAS PÓS-COMPRA:

* Qual a primeira coisa a fazer em note novo ? Remover Bloatware

* Onde baixo jogos ? Steam, Origin e Epic Games

* Devo jogar com note na tomada ou bateria ? Na tomada

* Como configuro meu note para jogos ? Defina modo de energia em Alto desempenho, defina placa de vídeo dedicada como principal, atualize todos drivers com Driver booster e feche processos com Razer cortex

* Meu note esta lento o que fazer ? Desative programas que iniciam junto com windows

* Qual Cooler devo usar ? Clique aqui para ver nossa lista dos melhores coolers.

* Que Upgrades recomenda para note ? Instalar SSD, memória ram (Dual Channel) e trocar a pasta térmica

* Quais Memórias são compatível com meu note ? Acesse o site da crucial
e escolha a opção SCAN COMPUTER, todas memórias compatíveis serão listadas, no manual do seu notebook também diz.

* Meu notebook esta com baixo desempenho em jogos, o que fazer ? veja aqui os possíveis causadores deste problema.

* Tenho muitas duvidas, onde obtenho suporte ? no nosso Grupo