Qual a Diferença Entre USB 2.0, 3.0, 3.1 e Tipo C ?

Qual a Diferença Entre USB 2.0, 3.0, 3.1 e Tipo C ?
Todas as vezes que pesquisamos osbre notebooks pensando em comprar nos deparamos com os termos referentes as conexões e entradas do aparelho, a mais popular é a entrada USB, até pouco tempo ja estávamos acostumados com as entradas 2.0, recentemente surgiram as novas entradas USB 3.0, 3.1 e também o termo USB Tipo C, isso pode confundir um pouco as pessoas mais leigas que não tem noção de qual a diferença entre elas e também não entende a utilidade de cada entrada destas, sendo assim preparei este guia completo explicando sobre cada uma delas e as finalidades de cada uma.



Conhecer o tipo de cabo para um dispositivo de PC ou algo semelhante com mais detalhes certamente tornará mais fácil para os usuários maximizar o desempenho de seus dispositivos, e isso inclui o tema de cabos USB . E, de fato, isso não é amplamente conhecido pelos usuários em geral, de modo que o desempenho potencial de um aparelho do usuário não seja aproveitado de maneira ideal.

Por exemplo, você tem um pen drive ou disco rígido externo com o recurso USB 3.0 e, em seguida, usa um conector USB 2.0, embora ainda seja compatível com isso, mas esse conexão não oferecerá velocidade total e benefícios de energia e o aparelho será limitado com menor capacidade. Por esse motivo, neste artigo, discutiremos os tipos de cabos USB e os benefícios que cada tipo de dispositivo pode oferecer.

Existem estas gerações de especificações USB presentes até hoje:

USB 1.0 - Lançado em agosto de 1998. Esta porta é a primeiro porta que é amplamente utilizado. A velocidade de transferência de dados é de até 12Mbps. Dificilmente será encontrado neste momento.

USB 2.0 - Lançado em abril de 2000, o USB 2.0 possui uma taxa de transferência de dados de até 480Mbps no modo Hi-Speed, ou 12Mbps no modo Full-Speed. A potência que pode ser gerada é de cerca de 2,5V, 1,8A e pode ser usada nas portas anteriores.

USB 3.0 - Lançado em novembro de 2008, o USB 3.0 possui velocidades de transferência de dados de até 5 Gbps no modo SuperSpeed. A porta USB 3.0 geralmente é azul.

USB 3.1 - Foi lançado em julho de 2013. O USB 3.1 possui 2 vezes a velocidade de transferência de dados do USB 3.0, que é de 10 Gbps e normalmente recebe o nome SuperSpeed ​​+. O USB 3.1 pode ser usado em todos os dispositivos USB 2.0 e USB 3.0. A potência que pode ser extraída é de até 2A a 5V e pode ser aumentada novamente para 5A a 12V (60W) ou 20V (100W). É relatado que o USB 3.1 está usando o conector USB Type-C.

USB TIPO C - Fisicamente, a porta Type-C e seu conector são do mesmo tamanho que o Micro USB. Se calculado matematicamente, o tamanho é 8,4 mm x 2,6 mm. O que é interessante sobre o USB Type-C é ter a mesma porta final. Assim, você não precisa mais ver a direção da porta a ser conectada, porque você pode conectar o Type-C de duas direções.

A conexão USB está presente há muito tempo, onde a primeira série foi lançada em 1996 e o ​​padrão USB é atualmente gerenciado pelo USB Implementers Forum (USB IF).O  próprio USB evoluiu com 3 versões de protocolos populares, USB 1.0, USB 2.0 e USB 3.0. Todos estes têm conector USB tipo A. Assim, todas as portas USB tipo A podem ser usadas por todas as versões USB até este ponto. Um exemplo é quando você conecta seu disco rígido USB 3.0 em uma porta USB 2.0.

A diferença das USB 1.0, 2.0, 3.0 e 3.1 esta principalmente na velocidade e na saída de energia, ja a diferença entre a entrada USB 3.1 e a Tipo C esta apenas no formato do conector.




Qual a Diferença Entre USB 2.0, 3.0, 3.1 e Tipo C ?
Tipos, Velocidade e Saída de energia de cada USB.


É difícil acreditar, mas o USB 3.0 foi introduzido há mais de uma década, em novembro de 2008. O novo USB 3.0 aumentou significativamente a velocidade de transferência de dados. O USB 2.0 só foi capaz de uma taxa de transferência de dados máxima teórica de 480 megabits por segundo, enquanto o USB 3.0 era capaz de 5 gigabits por segundo ou seja,10 vezes mais rápido. Na época, não havia muitos computadores com portas USB 3.0, e alguns tinham apenas um lado, ao lado de portas USB 2.0. Para distinguir entre USB 2.0 e 3.0, as portas USB 3.0 tinham um conector ou língua azul dentro.

O USB 3.1 foi lançado apenas alguns anos atrás, em julho de 2013. Desde então, os fabricantes de dispositivos têm trabalhado febrilmente para trazer o novo padrão para os produtos em sua casa. A velocidade de transferência de dados do USB 3.1 é incrível - 10Gbps. Isso rivaliza com a velocidade da Ethernet e do Thunderbolt original. No entanto, existem poucos dispositivos que são capazes de velocidades de transferência de dados tão elevadas.

O USB 3.1 é um novo padrão que funciona para transmissão de dados em alta velocidade que mais que dobra a largura de banda teórica do USB 3.0, indo de 5 Gbps a 10 Gbps. No teste real de um controlador USB 3.1 de primeira geração, o Tom's Hardware obteve velocidades de leitura e gravação superiores a 700 MBps , quase o dobro da taxa de transferência dos mesmos SSDs conectados via USB 3.0.

Graças ao maior débito de dados, o USB 3.0 e o 3.1 podem ser usados ​​para entregar vídeo também. Já existem adaptadores que permitem que PCs e Macs produzam vídeo HD para um monitor, televisão ou projetor via USB padrão, e as edições mais novas permitem um vídeo mais rápido e suave em resoluções mais altas. O USB 3.1 suporta a especificação MHL 3, que pode produzir vídeo em até 4K de resolução. É possível que o USB 3.1 e o USB Type-C possam substituir os padrões e portas atuais, como HDMI, DVI e DisplayPort, embora isso pareça improvável no curto prazo.

Qual a Diferença Entre USB 2.0, 3.0, 3.1 e Tipo C ?

Nota: A velocidade de transferência de dados pode variar entre diferentes dispositivos e a forma como se transmite.


O USB Tipo-C pra que serve ? Este é um conector novo, pequeno e super-rápido para o padrão Universal Serial Bus que pode suportar vários novos padrões, incluindo USB 3.1 e oferecimento de energia por USB. Com meros 0,33 x 0,1 polegadas, o Tipo-C é menor do que os conectores USB-Tipo Retangular de 0,47 x 0,18 polegadas que conhecemos e usamos ao longo dos anos. Também é um pouco maior do que os conectores microUSB B de 0,28 x 0,06 polegadas que são usados ​​para a maioria dos smartphones e tablets. Excepcionalmente, o USB Type-C é reversível, o que significa que você pode conectá-lo de cabeça para baixo e ele ainda funcionará. No entanto, você não pode conectar os conectores USB A ou USB B existentes a uma porta USB tipo C, nem conectar um conector USB tipo C a uma porta mais antiga.

A entrada USB Tipo C, as vezes também nomeada como USB-C, é simplesmente uma nova forma de entrada e plugue de cabo universal. Existem diversas vantagens da nova entrada USB Tipo C. A primeira vantagem é a reversibilidade. A dificuldade de conectar um dispositivo USB antigos é um meme universal de humor na internet. Mesmo ao olhar, não é fácil de conectar a USB corretamente, uma vez que a nova USB tipo C é reversível você pode conecta-lo de qualquer maneira, não importa, além disso se você tiver um dispositivo e um computador, basta conectar a extremidade do cabo ao pc e a outra ao periférico de forma bem facilitada.

A essência da ideia por trás do USB-C é esta. Você tem um tipo de cabo, um tipo de porta e, através disso, você pode conectar tudo o que precisa. Isso significa que você pode usar um cabo que seja o mesmo para discos rígidos, monitores de tv, áudio, smartphones , tablets e até mesmo para carregar seu notebook. A maioria dos hardwares conectados a um PC geralmente é via um conector USB-A. Esta a uma versão retangular popular que aparece em um pen drive USB, um teclado externo, mouse, disco rígido e quase todo o resto. Na outra extremidade do cabo, muitas vezes há diferentes estilos de conectores, como o Micro USB conectado à maioria dos smartphones, o USB Mini para outros dispositivos, o Micro USB-B que conecta vários dispositivos de armazenamento ou o USB-B normalmente usado pelas impressora.

O problema com esse arranjo é que há muitas coisas que exigem que você tenha uma dúzia de cabos corretos o tempo todo e não pode garantir que outras pessoas tenham o mesmo cabo quando você precisar. Por esse motivo, a presença do USB-C é uma solução universal e flexível.




O USB Tipo-C utiliza um conector de 24 pinos de dois lados, permitindo que os fabricantes de dispositivos ativem o modo alternativo, o que libera a capacidade de usar protocolos de dados alternativos para transmissão direta de dispositivo para host. Isso permite a saída de conexões VGA, HDMI, DisplayPort, Thunderbolt, Ethernet ou outros tipos de conexões através de uma única porta USB tipo C com a ajuda de adaptadores compatíveis.

A USB Tipo C  também tem o mesmo tamanho das conexões Micro USB, portanto ele se encaixa mesmo nos mais pequenos periféricos, além disso o USB Tipo C é excelente para carregar, o poder bidirecional significa que não só seu dispositivo pode carregar um periférico como o periférico pode também carregar seu dispositivo.Quando USB Type-C é combinado com USB Power Delivery (ou USB PD), ele pode suportar uma saída de energia muito maior - até 100W a 20V e 5A. Isso é o suficiente para carregar smartphones e tablets, como normalmente fazemos com micro USB, mas agora você pode carregar até mesmo um notebook com USB PD e Tipo-C.

O USB Power Delivery é uma solução de protocolo / hardware que aumenta as capacidades de energia USB de até 130W em plataformas suportadas. Se um produto possui USB Tipo-C, ele não precisa necessariamente suportar USB Power Delivery. O USB 2.0, o conector mais comum para celular, smartphones, câmeras e tablets, geralmente fica em torno de 2,5 watts, o suficiente para dispositivos pequenos, mas muito longe dos 20 a 65 watts que a maioria dos notebooks precisa em um determinado momento. Com o PD USB, você pode conectar seu notebook a um monitor e enviar um vídeo em 4K para o monitor, enquanto recebe uma carga completa de energia dele.



A melhor coisa sobre o PD de USB é que ele pode significar o fim do cabo de energia proprietário do notebook. Onde hoje cada marca e modelo de notebook usa um tipo diferente de conector de alimentação, amanhã todos os notebooks poderiam ter conectores USB Tipo-C com PD USB. Você seria capaz de usar o adaptador fornecido com o notebook Dell ao trocar para um notebook da Lenovo, assim como você pode usar o fio e o adaptador da Samsung com o seu telefone LG.

Existem diversas melhorias nas novas entradas USB que vem evoluindo a cerca de 20 anos, como por exemplo velocidade de transferência de até 10GB/s e voltagem de até 100W de energia, suficiente para carregar aparelhos externos ou adicionar um sinal de vídeo HDMI para um monitor.

USB Type-C promete resolver o problema da incompatibilidade com um conector universal, que também é capaz de duplicar o débito teórico do USB 3.0 e pode fornecer muito mais energia. É por isso que a Apple está emparelhando Type-C e USB 3.1 para eliminar o conector de energia no MacBook. É um objetivo com o qual concordamos, mesmo que ficamos menos entusiasmados com a decisão da empresa de despejar completamente as portas USB com essa única exceção. A abordagem do Google, ao fornecer duas portas USB-C  e duas portas USB 3.0 regulares, é obviamente preferível, mesmo que adicione um pouco de volume à máquina.

Resumindo a nova conexão USB Tipo C vem para oferecer uma maior facilidade de conectar conectores de forma mais universal, maior versatilidade e compatibilidade com o aparelhos modernos, maior velocidade de transferência de dados e também maior disposição de energia para carregar aparelhos periféricos.



ATENÇÃO NA HORA DA COMPRA - LEIA AS ESPECIFICAÇÕES COM CUIDADO:
Primeiro, o USB-C se refere ao estilo do conector, e não às especificações do protocolo interno, para que os usuários possam ter surpresas desagradáveis ​​e encontrar o novo dispositivo não tão rápido quanto imaginavam. O USB-C Gen 1 usa a tecnologia USB 3.0, que tem uma velocidade máxima de 5 GB / s, enquanto o USB-C Gen 2 suporta USB 3.1, o que lhe dá 10 GB / s.

Depois, há também a variante Gen 3 que combina Thunderbolt 3 e vai até 40GB / s. O problema é que cada porta terá exatamente a mesma aparência, mas, como dissemos acima, os fabricantes podem usar componentes diferentes em todo o seu alcance. Portanto, para evitar possíveis decepções, você precisa verificar as especificações e confirmar a velocidade do conector antes de fazer uma compra.

Os cabos também podem ser confusos, porque apesar de todos parecerem iguais, há várias variações que afetam a capacidade. Você também tem que se certificar de que o cabo suporta USB Power Delivery, se ele também pode suportar vídeos HDMI, MHL ou DisplayPort ao comprar um cabo USB-C com a função de modo alternativo.






3 comentários:

  1. Amigo, ainda não consegui compreender uma coisa. Qual seria a função da entrada type-c num notebook? Eu nunca vi um periférico que use essa entrada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poise, esta é uma entrada nova ainda, ela traz maior rapidez e um formato universal mais fácil de mexer, voce ainda nao viu pois é de agora em diante que surgiram os perifericos de acordo com esta entrada, ainda é uma novidade.

      Excluir
  2. Cara estou fazendo uma relação de USB, só que este tipo A 3.1 Gen 2 não existe, o tipo A continua com a mesma dimensão, e creio que para Gen 2 o conector ficará mais disponível para o tipo C, todavia essa ilustração do tipo A Gen 2 não consta no USB IF

    ResponderExcluir

ANTES DE COMENTAR LEIA PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

DÚVIDAS PRÉ-COMPRA:

* Por que você não fala desse ou daquele notebook ? Porque este site não recomenda todos os notebooks... este site recomenda somente os melhores.

* Os preços estão maiores !? Preços sobem e descem todo instante, prefiro recomendar o que é o melhor possível do que o que é mais barato

* Como sei se um note roda um jogo? Pesquise no youtube por gameplays do jogo com uma configuração semelhante a do seu note. Ex: Cs Go i5 8250U MX150

* Devo escolher melhor processador ou placa de vídeo ? melhor placa de vídeo

* Entre placas de vídeo escolho série MX ou GTX ? GTX

* E entre MX e Intel Graphics ? MX

* Entre processadores escolho série H ou U ? H

* Há muita diferença entre Core i3, i5 e i7 ? i3 é para uso doméstico, i5 é para multitarefas e i7 é para trabalhar com edição.

* Turbo Boost é automático ou devo ativar ? Automático, mas pode desativar ou ativar

* Posso trocar placa de video do note ? Não

* Mas notebook não esquenta muito? Preparamos uma Lista gigante de formas de manter seu note bem refrigerado

* E se eu não gostar do notebook ? Dentro dos 7 primeiros dias de uso ligue pra loja e peça Direito de Arrependimento, vão te dar um código pra enviar o note de graça e te reembolsar sem precisar justificar



DÚVIDAS PÓS-COMPRA:

* Qual a primeira coisa a fazer em note novo ? Remover Bloatware

* Onde baixo jogos ? Steam, Origin e Epic Games

* Devo jogar com note na tomada ou bateria ? Na tomada

* Como configuro meu note para jogos ? Defina modo de energia em Alto desempenho, defina placa de vídeo dedicada como principal, atualize todos drivers com Driver booster e feche processos com Razer cortex

* Meu note esta lento o que fazer ? Desative programas que iniciam junto com windows

* Qual Cooler devo usar ? Clique aqui para ver nossa lista dos melhores coolers.

* Que Upgrades recomenda para note ? Instalar SSD, memória ram (Dual Channel) e trocar a pasta térmica

* Quais Memórias são compatível com meu note ? Acesse o site da crucial
e escolha a opção SCAN COMPUTER, todas memórias compatíveis serão listadas, no manual do seu notebook também diz.

* Meu notebook esta com baixo desempenho em jogos, o que fazer ? veja aqui os possíveis causadores deste problema.

* Tenho muitas duvidas, onde obtenho suporte ? no nosso Grupo